Terroá participa de encontro global pelo desenvolvimento sustentável na Alemanha


O Instituto Terroá esteve presente na edição deste ano do Global Festival of Action for Sustainable Development (Festival Global de Ação pelo Desenvolvimento Sustentável), realizado na cidade de Bonn, na Alemanha, entre 21 e 23 de março. O evento é organizado anualmente pela United Nations SDG Action Campaign, a iniciativa especial da Organização das Nações Unidas (ONU) responsável por promover a implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável em todo o mundo. Eduardo Gresse e Fernando Mattos representaram o Terroá durante o evento.

Reunindo representantes de organizações da sociedade civil, gestores públicos e privados, membros de organizações internacionais e da comunidade acadêmica, o evento serviu de plataforma para o intercâmbio de experiências e desafios relacionados à implementação da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável em todo o planeta. O formato interativo, estruturado em torno de workshops temáticos, sessões de boas práticas e reuniões plenárias, facilitou a interação constante entre os participantes e ofereceu muitas oportunidades de contato e networking. Segundo os organizadores, mais de 1.500 participantes de mais de 100 países estiveram presentes na edição deste ano, que contou ainda com transmissão online de toda a programação para mais de 30.000 pessoas que assistiram ao evento em 158 países.

A participação do Instituto Terroá nos três dias de atividades teve como objetivo interagir com o conjunto de atores presentes no evento e que atuam, em diferentes níveis, em busca da implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Essa interação ocorreu tanto por meio das atividades previstas na programação, quanto em conversas informais nos intervalos entre cada sessão, o que possibilitou que os colaboradores do Terroá apresentassem as atividades realizadas pelo Instituto a um público diverso e aprendessem com experiências de organizações atuando em outros contextos.

Para Eduardo Gresse, o evento foi muito interessante em diversos aspectos. “Fazer contatos com pessoas e organizações que trabalham com esta agenda mundo afora nos deu a sensação de que há muito mais iniciativas e esforços para atingir os ODS do que poderíamos imaginar. Nesse sentido, enxergamos muitas consonâncias com o trabalho do Terroá. Por outro lado, ficou evidente que nem todas as iniciativas, organizações e especialistas no assunto abordam questões-chave para a implementação e o cumprimento dos ODS, como por exemplo a importância de políticas públicas e leis que traduzam essa agenda, seus objetivos e metas, em práticas concretas nos planos local e nacional, algo que o Terroá aborda desde o princípio. Portanto, saímos de lá com a sensação de que há muitas oportunidades por vir e que o Terroá está, definitivamente, no caminho certo”.

Fernando Mattos também destaca a convergência de iniciativas desenvolvidas por organizações não governamentais de outros países e o trabalho do Terroá no Brasil: “Foi muito importante ver que existem vários projetos extremamente interessantes sendo realizados em outros países e que se alinham muito à atuação do Terroá. Um exemplo é o trabalho de conscientização, formação e engajamento de jovens como instrumento de implementação dos ODS no nível local, que é justamente uma das propostas que os colaboradores do Terroá vêm desenvolvendo através do Programa Jovens Transformadores, nossa Tecnologia Social certificada pela Fundação Banco do Brasil”.

Visita ao Forest Stewardship Council (FSC)

A ida a Bonn também foi uma oportunidade para os colaboradores do Terroá visitarem a sede do FSC International Center e compartilharem informações sobre as atividades do Instituto com Lucia Massaroth, gerente do programa de cadeias de custódia do organismo de certificação florestal. O Conselho de Manejo Florestal (FSC, na sigla em inglês) é a principal organização de referência mundial em certificação de manejo florestal responsável e atua há mais de vinte anos na gestão de recursos extraídos de florestas em 80 países. O Terroá é membro da Câmara Social do FSC Brasil e FSC Internacional por acreditar na relevância desse organismo para a gestão territorial, a conservação florestal e o engajamento social – um conjunto de salvaguardas socioambientais que está em total sintonia com os projetos de desenvolvimento territorial sustentável que realizamos.